Pular para o conteúdo principal

Índios atacam

Presença indígena na Granja

O município de Granja como todo o território brasileiro foi habitado por povos indígenas que, com a colonização do homem branco, perderam suas terras e cultura. Porém influenciaram e muito à formação do povo brasileiro, na granja existem muito lugares com nomes de origem indígena. Leia o texto Índios atacam que narra um episódio ocorrido em 1817.

Índios atacam

“Os Tapuias do Morro do Irapuá – assevera Monsenhor Vicente Martins – perseguidos pela seca, atacaram a vila de Granja em 1817. Manuel Antonio de Almeida, que então exercia grande influencia no seio do povo, procurou acalma-los, dando-lhes alimentos e bebidas. Quando a paz parecia restabelecida, a indiada investe novamente contra o povo, forçando Manuel Antonio de Almeida e o coronel Francisco Carvalho Mota a tomarem ardilosa atitude, com seus homens armados. Munidos de buzinas e tambores irromperam em insistente e estrondosa tocata. Assombrados os índios abandonaram a vila, recolhendo-se no mato. A pouco e pouco retornaram e se estabeleceram nas proximidades da vila, passando a vida harmoniosa com os habitantes.

Fonte: Enciclopédia dos Municípios Brasileiros, 1959, página 236

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Artigo sobre história do nosso Ceará

Leia o artigo do prof. Francisco Pinheiro, Secretário de Cultura do Ceará.
De Siará a Ceará
O Dia do Ceará, comemorado hoje celebra a autonomia política e econômica em relação a Pernambuco. Isto não significou um processo revolucionário de ruptura política, todavia representa um momento importante para a então capitania, pois a partir desse momento o Ceará pôde realizar comércio direto com a metrópole (Portugal) e tornou-se administrativamente independente, livre da ingerência de Pernambuco.
O Decreto régio de 13 de junho de 1621 dividiu a colônia portuguesa em dois estados: estado do Maranhão e Grão-Pará e estado do Brasil. O Ceará tornou-se subordinado ao primeiro, e em 1656 o Ceará ficou subordinado a Pernambuco. Apenas em 17 de janeiro de 1799, através de uma carta régia, a coroa portuguesa tornou a capitania do Siará (bem como a Paraíba) independente de Pernambuco, podendo comercializar com a metrópole. Apesar dessa determinação não romper com as regras do pacto colonial – onde exis…

A conquista de um sonho

Não poderia ter chegado sem a parceria do amigo Pedro Magalhães.

DICA: Jovens Falcões, livro de Eduardo Lyra

Recebi, hoje, na hora do almoço o livro Jovens Falcões, de Eduardo Lyra. É um nutritivo prato para as realizações dos sonhos, com histórias inspiradoras do empreendedorismo dos jovens brasileiros.

Está servid@!