Pular para o conteúdo principal

Pesquisa sobre alta estação cearense

turismo ceara

extraido do site http://www.ceara.gov.br/
A Secretaria do Turismo (Setur) anunciou um aumento de 17,3 % no número de visitantes no mês de julho, em relação ao mesmo período do ano passado. Uma pesquisa sobre o perfil do turista que visitou o Ceará, via Fortaleza, encomendada pela Setur e realizada pelo Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope), no período de 24 de julho a 2 de agosto, foi apresentada para a imprensa nesta terça-feira, 18, pelo Secretário do Turismo do Estado, Bismarck Maia.

A pesquisa foi realizada nos principais portões de saída do Estado (aeroporto e rodoviária), além de pontos turísticos da capital (Beira Mar, Praia do Futuro, Mercado Central. Dragão do Mar, Monsenhor Tabosa, Centro Turismo e Beach Park). O secretário Bismarck Maia destacou a importância de campanhas promocionais, como o Seguro Sol e peças publicitárias publicadas em diversas mídias para mudar o perfil do turista que visita o Ceará.

Foram avaliados, dentre outros itens, o motivo da viagem, o meio de hospedagem utilizado, o transporte, o tempo de permanência, a origem do visitante e o seu gasto médio diário. Foi avaliado ainda o nível de satisfação do turista em relação à infra-estrutura e aos serviços turísticos do destino Ceará.

Dos turistas nacionais, o principal mercado emissor foi o estado de São Paulo com 24,4% dos turistas, seguido pelo Rio de Janeiro (14,4%), Pará (9,1%) e Distrito Federal, com 8,9%. Já no mercado internacional, a Itália foi o principal mercado emissor, com 31,3%, seguido de Portugal (15,2%), EUA (9,7%) e França com 9,4%.

fonte:http://www.ceara.gov.br/noticias/pesquisa-revela-que-numeros-da-alta-estacao

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Artigo sobre história do nosso Ceará

Leia o artigo do prof. Francisco Pinheiro, Secretário de Cultura do Ceará.
De Siará a Ceará
O Dia do Ceará, comemorado hoje celebra a autonomia política e econômica em relação a Pernambuco. Isto não significou um processo revolucionário de ruptura política, todavia representa um momento importante para a então capitania, pois a partir desse momento o Ceará pôde realizar comércio direto com a metrópole (Portugal) e tornou-se administrativamente independente, livre da ingerência de Pernambuco.
O Decreto régio de 13 de junho de 1621 dividiu a colônia portuguesa em dois estados: estado do Maranhão e Grão-Pará e estado do Brasil. O Ceará tornou-se subordinado ao primeiro, e em 1656 o Ceará ficou subordinado a Pernambuco. Apenas em 17 de janeiro de 1799, através de uma carta régia, a coroa portuguesa tornou a capitania do Siará (bem como a Paraíba) independente de Pernambuco, podendo comercializar com a metrópole. Apesar dessa determinação não romper com as regras do pacto colonial – onde exis…

A conquista de um sonho

Não poderia ter chegado sem a parceria do amigo Pedro Magalhães.

DICA: Jovens Falcões, livro de Eduardo Lyra

Recebi, hoje, na hora do almoço o livro Jovens Falcões, de Eduardo Lyra. É um nutritivo prato para as realizações dos sonhos, com histórias inspiradoras do empreendedorismo dos jovens brasileiros.

Está servid@!